Desentale o nó que te limita a expressão


Desentale o nó que te limita a expressão

Dê o grito parado na garganta
Chore aquele choro antigo, que um dia ficou de chorar
Respira e faça isso logo
Não precisa pressa, mas seja rápido
O céu está propício,
o mundo está receptivo ao SER

Sou Eu. Eu Sou.
O imaterial na manifestação
A manifestação do sentimento humano
que pulsa e diz que nasci livre

Respira, consciência amiga.
Estamos todos respirando o mesmo ar.
Criamos esse nó na garganta, esse aperto no peito…

Somos poções do mesmo frasco.
É momento de manifestar para equilibrar.
O silêncio e o Som.
Observe tudo que entra e sai de sua boca.

CorpoInConsciencia
Faça-se uma gentileza
Observe sua respiração.
Articule sua mente

Anúncios

6 pensamentos sobre “Desentale o nó que te limita a expressão

Os comentários estão desativados.