Sobre escola


Reflexões sobre escola

Se escola fosse bom mesmo, as crianças desejariam muito estar lá, onde sentiriam-se aceitos, respeitados e estimulados na curiosidade natural do ser humano.

Eu estudei em escola pública em 1967, naquele tempo, tinha aula de música e arte.
Atualmente, os professores sofrem de uma síndrome durante o exercício ou na aposentadoria, uma tristeza medonha, pela desvalorização, desrespeito e humilhação.
Problemas financeiros e outros tantos.
Como preparar um ser humano pleno se aquele que guia está carente?
Eu penso que a melhor proposta para mudar a educação é quando todos os políticos usarem os serviços de educação e saúde públicos.
Talvez todos tivéssemos oportunidades iguais, não apenas para ser um bom servidor da sociedade, mas também para revolucioná-la.  Ou melhor, adotar a idéia de desescolarização de Ana Thomaz.

Claro, que se eu estudar entre outras melhores e mais caras escolas do Rio de Janeiro, eu teria um futuro com maiores possibilidades.
Dizem que essas escolas preparam o indivíduo para ser mais pleno.
Eu vejo, alguns poucos indivíduos satisfeitos com essa sociedade e entusiasmados para criar alternativas e soluções sociais.
Não significa que eles não sofrerão a “lavagem cerebral” incutida nas mais avançadas tecnologias que os jovens adoram ou na alimentação, nos filmes e aventuras que escolhem.
Sim, esses podem escolher. Em geral, seus pais realizam seus desejos com fadas com varinha de condão. Eles se frustram facilmente e agem como se o mundo estivesse ali para servi-los.
Sim, acredito que muitas dessas crianças e adultos do futuro, que tiveram a oportunidade de frequentar escolas “boas e caras”, são diferentes e mais plenas de si. Isso é bom.
Melhor ainda seria esses adultos questionassem a própria escolarização de elite e ampliassem seus horizontes de experiências, evoluindo através dos bons relacionamentos, da interatividade e interdependência consciente entre todos os seres viventes.

A escola, a igreja, o estado e mídia, unidas, tornam o ser humano anestesiado, mecanizado e inconscientemente servil. Estamos a serviço da TFP, e não notamos.


Por que a meditação não é praticada com as crianças na escolas e hospitais públicos, todos os dias, assim preveniríamos pessoas com sistemas nervosos e imunológicos tão frágeis? Por que não? Eu sei porque, eles nunca praticaram, leram ou estudaram nada sobre o assunto, porque a prevenção não interessa nessa sociedade de poderosos egoístas e ambiciosos!

 

Ao fim de cada dia, escreva três coisas que fizeram você feliz durante o dia.
Comece agora!
CorpoInConsciencia

Anúncios