O aprendizado com o Corpo


Pulmão

O que eu posso fazer para ajudar meu corpo?

Essa pergunta é respondida nas oficinas, jornadas presenciais e atendimento OnLine CorpoInConsciencia, especialmente nos corpos que doem, que anseiam e que não conhecem a respiração plena ou a plena expressão própria no corpo.

– Como eu prejudico meu corpo

– Como respirar para aliviar dores

– Como meu corpo funciona

– O que meu corpo está me pedindo

– Como melhorar meu estado físico e emocional

Tenho pensando sobre o programa que será aplicado no Grupo da Jornada de Março à Novembro, serão oito temas a serem aprofundados a cada mês. Ou seja, oito encontros de 75 minutos em cada módulo, debruçadas em temas importantes, com exercícios e dicas simples, a serem aproveitadas no dia a dia de cada participante.

Imagino que todas as consciências já sabem qual será o tema do primeiro módulo:

RESPIRAÇÂO.

respiração

Compartilho aqui um pouco desse programa:

Introdução à Respiração Plena 

– A localização dos principais orgãos e musculaturas

1-Os pulmões se localizam nas costas (orgão)
2- O diafragma que é o único músculo anti-gravitacional do corpo (relaxa pra cima), que atravessa o meio do corpo diagonalmente (do osso esterno à coluna lombar).

Só de refletir sobre essas palavras e conceitos, já evita a respiração no peito, quando indicamos “Respire fundo”.

3- A inspiração é a contração do diafragma que empurra para baixo as vísceras e a musculatura abdominal, protegendo assim, a coluna lombar.

4- A Expiração é o relaxamento do diafragma (para cima), a contração dos músculos abdominais transversos e a expansão dos músculos peitorais.

Estes são os quatro pontos principais para a conscientização da Respiração Plena.

Ao dedicarmos um tempo para refletir sobre essas quatro informações básicas e praticá-las em seu próprio corpo; estas serão absorvidas e automatizadas gradativamente (no inconsciente) pela integridade Corpo-Mental.

Ao praticante que as absorvem, com o tempo, essas dicas e técnicas surgem na consciência no momento da dificuldade (angústia, mal estar de toda ordem e desequilíbrios mais profundos), para auxiliar na lida com essas emoções e sensações assustadoras. Que deixam de serem tão assustadoras assim.
Pela Respiração Plena, podemos retomar o equilíbrio que você condicionou seu corpo a experimentar durante as práticas. Assim, cada um pode resgatar seu estado anterior de harmonia.
Devemos compreender que trata-se de exercícios para despertar a Respiração Plena e com a prática e o tempo, restaurar naturalmente, as condições de desarmonia físicas e mentais.

Sandra Moreira de Almeida

Terapeuta Corporal
Educadora perinatal
Coaching para Meditação e alimentaçãoE-mail: sandra.moreiradealmeida@corpoinconsciencia.com
Atendimento Skype: sandra.ebsawa

CorpoInConsciencia
Faça-se uma gentileza
Observe sua respiração
Articule a mente

 

Anúncios