O que falta?


ovos-decorados-de-pascoa-4325

Em ocasiões como essa, onde, culturalmente, deveríamos estar próximos daqueles que amamos, que em tese são nossa família e depois os amigos, nos pegamos com a percepção:  “Tá faltando alguma coisa/alguém”…

Passamos pela mesma sensação tantas vezes e a atribuímos a tantas “coisas e alguéns” , que acontece um Momentum, em que você exaure suas forças de gerar negatividade mental e sente-se obrigada a olhar para Si mesma, sua própria vida, seu próprio corpo, seja lá em que altura estiver na VIDA.

A Páscoa, no meu entendimento, é apenas um lembrete do ritual de VIDA que professo todos os dias em que sobrevivi a SEMENTE. Um lembrete de que EU SOU a manifestação da VIDA e que por mais dificuldades que eu esteja atravessando, ainda assim, Eu Sou a Semente que vingou.

Eu Sou neste Corpo, neste Instante, a manifestação da Vitória da Vida!

A Páscoa é o rito de passagem dos minutos, de cada respiração, das marés, do movimento do Céu e da Terra, e dos outros Astros.
Desde que nascemos, estamos morrendo e renascendo a cada instante.

Já fazemos isso porque é nossa natureza humana e celestial.

Nossa Mãe Terra faz parte do Oceano Cósmico, por isso, Somos Seres Cósmicos também.

Somos sementes estelares, sobreviventes dessa nova frequência vibratória e agentes de energia cósmica, se assim escolhermos.

Não importa a situação que estamos vivendo, não importa a forte emoção que sentimos ou aqueles pensamentos recorrentes. Tudo isso fica, enquanto Nós seguimos eterna e espiraladamente, pra frente e pra cima.

Que pequeno movimento você vai escolher hoje na sua vida?

Que sejamos todas, consciências amigas e sementes despertas!

Boa Páscoa!

Sandra Moreira De Almeida

CARTAZAULASGLORIA

 

 

 

Anúncios