7 motivos pelos quais a pílula anticoncepcional é um veneno para o corpo feminino


7 motivos pelos quais a pílula anticoncepcional é um veneno para o corpo feminino

1) a libido despenca: os principais hormônios responsáveis pela libido feminina são: ocitocina, progesterona, estradiol, DHEA, DHT e, principalmente, a testosterona (o hormônio masculino, sim, existente também em mulheres). a testosterona é inibida pelo uso da pílula, fazendo com que muitas mulheres sequer saibam como é a sua real libido. mesmo que muitas utilizando a pílula continuem sentindo tesão, é bem provável que sem ela este aumente drasticamente.

2) causa flacidez, celulite, diminuição de massa muscular, aumento de gordura localizada… acarretando em: mais gastos com cosméticos: com a diminuição do hormônio testosterona, o corpo não CONSEGUE desenvolver massa muscular. fica MUITO difícil, mesmo praticando exercícios físicos. o tônus muscular fica enfraquecido e as celulites aumentam devido ao inchaço e acúmulo de gordura nos tecidos causados pelos hormônios estrogênio e progesterona, presentes em grande quantidade na pílula, que retém líquido.

3) pode acarretar diversas complicações cardiovasculares: o coração é o órgão possui mais receptores para esse hormônio específico – a testosterona; depois vem o cérebro e os ossos. sendo assim, quem possui níveis baixos de testosterona fica mais suscetível a doenças do cardíacas e complicações no cérebro e nos ossos.

4) podem ser cancerígenos: você sabia que contraceptivos hormonais foram classificados pela Organização Mundial de Saúde como potencialmente carcinogênicos? isso devido às doses (muitas vezes cavalares) de hormônios depositados DIARIAMENTE na corrente sanguínea. pra você ter uma noção, eles estão enquadrados na mesma classe do tabaco e amianto.

5) você está enganando o seu corpo: a pílula anticoncepcional é composta por dois hormônios sintéticos: um imita o estrógeno e o o outro a progesterona, ambos hormônios naturais da mulher, responsáveis por controlar seu ciclo. esses hormônios “falsos” presentes na pílula “enganam” o seu organismo, fazendo com que a mulher não produza os hormônios naturais e, consequentemente, não ovule. a menstruação também é “falsa”, pois não há óvulo sendo expelido.

6) aumenta o risco de trombose: usuárias da pílula contraceptiva tem até quatro vezes mais chances de desenvolver trombose venosa profunda quando comparadas à população em geral. em mulheres fumantes acima de 35, esse número aumenta drasticamente; essas tem cerca de 10 vezes mais chance que as que utilizam esse método e não fumam (!!!). esse problema é gerado pela coagulação do sangue no interior das veias, principalmente nos membros inferiores. caso um dos coágulos entrar na corrente sanguínea e chegar ao pulmão, pode causar embolia pulmonar – risco fatal.

7) desencadeia vários outros problemas: dores de cabeça, alterações bruscas de humor, DEPRESSÃO, enjôos, mal-estar, ansiedade (…) tudo isso consta na bula. por favor leiam, se informem, e decidam de forma consciente.

Da Página do Facebook: Faces de Hécate
I
magem: Faces de Hécate

Observe sua respiração
Articule a Mente

Sandra Moreira De Almeida

Anúncios

5 pensamentos sobre “7 motivos pelos quais a pílula anticoncepcional é um veneno para o corpo feminino

  1. Pingback: 7 motivos pelos quais a pílula anticoncepcional é um veneno para o corpo feminino | viverbem86

  2. Okey… Mas, então isso é estranho… Algumas coisas realmente acontecem, mas devo dizer que sem o anticoncepcional até hoje eu estaria com cólicas monstruosas a ponto de quase ir para o hospital. E minha menstruação era um inferno. Caia nas piores datas. E não tomo anticoncepcional por conta própria, eu fui na minha médica ginecologista fiz uma bateria de exames antes de tomar. E ainda ela me receitou um de baixa dosagem, ou seja – me desculpem se falei baixa dosagem, não sei se é isso exatamente – não há tanta alteração de hormônios – pelo menos eu acho. Como adoro ler bulas, eu li tudo e sim dá alterações como TODO remédio que nós tomamos. Remédio é um tipo de droga e sim dá efeitos colaterais. Não adianta.
    Mas, de tudo isso eu gostaria de saber quais são os anticoncepcionais que fazem mal. Poderiam fazer uma lista?

    Curtir

    • Este post eu compartilhei (vide autoria) porque eu concordo e aplico a tese em minha vida.
      Utilizo e trabalho com alternativas de medicina; Ao contrário de você (e apesar de ter tido excelentes médicos e exames e todos os etcs,) tive uma reação quase fatal à pílula e a outros métodos alopáticos; Nasci doente e fui melhorando na medida que mudei certos critérios e estilo de vida..

      Tenho 54 anos e até hoje (depois dessa dose única) não tomei mais remédios sintéticos sem um critério mais assertivo.

      Não significa que não tome remédio, mas apenas os realmente necessários para facilitar a Vida.

      Mudei de medicina e por isso não conheço quase nada de remédios. Minha médica tem 73 anos e aprendo com ela.

      E descobri que como eu, ao redor do planeta, outras mulheres pensam e agem da mesma forma. Achei minha “tribo”.

      Por isso, minha querida não posso te listar o que me pede. Perdoe por isso. Muito obrigada pelo comentário e por visitar meu site

      Curtir

Os comentários estão desativados.